16/05/2024

Missão Humanitária UniSALESIANO: Saúde Não Espera!

Missão Humanitária UniSALESIANO: Saúde Não Espera!
Foto: UniSALESIANO Araçatuba

O Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium (UniSALESIANO), de Araçatuba (SP), envia, nesta sexta-feira (17), 37 voluntários que atuarão nos serviços de emergência de saúde no Rio Grande do Sul, estado brasileiro devastado por enchentes.

Em parceria com a Prefeitura Municipal de Araçatuba, no sábado (18), um ônibus deverá chegar a Porto Alegre (RS) com médicos, enfermeiros, médico veterinário, psicóloga, acadêmicos do último ano de Enfermagem e acadêmicos de Medicina que possuem títulos de Suporte Avançado de Vida em Cardiologia (Advanced Cardiovascular Life Support - ACLS). O grupo ficará abrigado na casa salesiana onde funciona a Faculdade Dom Bosco, e prestará serviço na capital gaúcha e região metropolitana. A coordenação dos voluntários e dos trabalhos ficará sob responsabilidade do médico, Dr. Ângelo Jacomossi, responsável pela unidade curricular Interação Ensino em Saúde na Comunidade (IESC) e docente do Curso de Medicina do UniSALESIANO.

O Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa e Pós-Graduação do UniSALESIANO, Prof. André Ornellas, define essa prestação de serviço da universidade como parte de sua existência. “Nós existimos para formar profissionais plenos para o trabalho. Então, quando nós pensamos no Rio Grande do Sul, pensamos em fazer mais do que doar mantimentos. Portanto, forneceremos um tempo desses profissionais para ajudar a comunidade mais sofrida”, explicou Ornellas, ao completar que o médico veterinário e a psicóloga, formados no UniSALESIANO, irão a campo para assessorar o grupo de voluntários também da área da saúde.

Segundo ele, o médico veterinário fará a análise das doenças epidemiológicas e também orientará os profissionais da saúde que estão lá sobre os possíveis perigos de contaminação de diversas doenças. Já a psicóloga dará o suporte psicológico ao grupo. “Importante frisar que nossos professores psicólogos e acadêmicos do último ano atuarão de forma on-line com as pessoas que necessitam desse apoio no Sul”, disse o Pró-Reitor.

Já o Coordenador do Curso de Medicina do UniSALESIANO, Dr. Antônio Poletto, enfatiza que a assistência em situações de catástrofe é uma obrigação humanitária fundamental dos salesianos. “É nossa responsabilidade não apenas reconhecer, mas também agir diante desse compromisso humanitário”, disse.

Por sua vez, o Reitor do UniSALESIANO, Pe. Paulo Vendrame, SDB, destaca que a solidariedade que o povo brasileiro demonstra em um momento como este, de calamidade, é surpreendente. “E encontrar nos jovens universitários um eco de resposta é algo que engrandece nossa Instituição Universitária e toda a humanidade. Parabenizo nossos educadores e os que responderam a este apelo de voluntariado, cuidando daquilo que temos de mais precioso: a vida!”, concluiu Pe. Paulo.

Fonte: Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium (UniSALESIANO)

Mais Recentes

UniSales recebe prêmio de Inovação Semesp

O Centro Universitário Salesiano (UniSales), de Vitória (ES), foi reconhecido com o primeiro lugar no Prêmio de Inovação no Ensino Superior “Prof. Gabriel Mário Rodrigues”, organizado pelo Semesp, entidade que representa mantenedoras de ensino superior do Brasil. O UniSales foi premiado pelo projeto “Jornada Socioemocional: Aplicativo WEB de avaliação do desenvolvimento de soft skills no ensino superior”, que apresentou o desenvolvimento de um aplicativo que possibilita a avaliação de competências socioemocionais dos acadêmicos do UniSales. Por meio do aplicativo, os estudantes poderão acompanhar e avaliar o desenvolvimento de suas capacidades socioemocionais durante a graduação, possibilitando o desenvolvimento das soft skils tão valorizadas no mercado de trabalho moderno. Para a Reitora do UniSales, Profa. Dra. Carmen Luiza, o resultado certifica que o modelo pedagógico do UniSales e a valorização da formação de competências socioeducacionais estão alinhadas com as necessidades reconhecidas para a educação e para o mercado de trabalho. “Entendemos que no mercado de trabalho, não são só as competências técnicas que são requeridas, mas principalmente as competências socioemocionais. Esse prêmio, para nós, é um reconhecimento que afirma que estamos muito alinhados e enxergando as necessidades da formação superior”, destacou. A reitora comentou ainda que a premiação reforça a necessidade e cria a perspectiva de novas iniciativas que preparem as habilidades socioemocionais dos estudantes. “Esse reconhecimento nos faz enxergar a possibilidades de caminhos ainda mais transformadores, sobre o que é possível entregar para inovar a estrutura dos desenvolvimentos socioemocionais na instituição”, afirmou Carmen. O Professor e Pró-Reitor acadêmico do UniSales, Alexandre Cardoso Aranzedo, elaborou a metodologia que embasa o aplicativo. Reconhecendo a importância do ecossistema relacionado ao Semesp, que tem atuado amplamente na elaboração e acompanhamento das iniciativas voltadas para inovação em educação no Brasil e no mundo, Alexandre apontou que a metodologia responde à uma necessidade de desenvolvimento de habilidades socioemocionais que, atualmente, são parte das grandes necessidades do mercado, como apontado em diversos estudos como o Future of Jobs Report 2023, do World Economic Forum. “Nós somos uma instituição formadora de profissionais para esse mercado que, há quase cinco anos, reconhecemos essa necessidade e mudamos a proposta pedagógica para formar profissionais que desenvolvem, além das habilidades técnicas necessárias, as habilidades socioemocionais”, explicou Alexandre. AVALIAÇÃO DA JORNADA SOCIOEMOCIONAL Para além de reconhecer essa importância, a metodologia da jornada socioemocional deu tangibilidade a esse desenvolvimento de competências socioemocionais. A jornada prevê momentos de autoavaliação, avaliação do estudante pelos pares e a avaliação dos grupos em que ele se insere, todas em sigilo, minimizando as possibilidades de avaliação contaminada por constrangimentos. As avaliações estão divididas em dez macro competências. A metodologia foi desenvolvida pelo Pró-Reitor Acadêmico, Psicólogo e Professor do UniSales, Alexandre Cardoso Aranzedo, e pela professora do curso de Psicologia do UniSales, Christyne Gomes Toledo. O aplicativo foi desenvolvido pelo Coordenador dos cursos da área de Tecnologia do UniSales, Marcelo Albuquerque Schuster, juntamente com os estudantes do curso, por meio da Fábrica de Software. PRÊMIO PROF. GABRIEL MÁRIO RODRIGUES O Prêmio de Inovação no Ensino Superior “Prof. Gabriel Mário Rodrigues” foi criado pelo Semesp para reconhecer profissionais que trabalham em prol da inovação da educação superior brasileira e é um reconhecimento ao Prof. Gabriel Mário Rodrigues, notável pioneiro da educação e um dos principais responsáveis pela posição de relevância alcançada pelo sistema educacional superior privado no país. Durante sua trajetória como mantenedor e dirigente de entidades representativas do ensino superior privado brasileiro, o homenageado sempre mostrou enorme preocupação e aguda sensibilidade com a ampliação dos horizontes e o aperfeiçoamento do sistema educacional superior privado, por meio da adoção de melhorias contínuas e soluções inéditas para a dinâmica e as competências do ambiente acadêmico. A premiação, que contou com a parceria do Consórcio STHEM Brasil, aconteceu no dia 27 de junho de 2024, durante o Seminário “O Admirável Futuro do Ensino Superior”. Fonte: Inspetoria São João Bosco / Foto: Centro Universitário Salesiano (UniSales), Vitória (ES)

UCDB recebe o prêmio Ipê Amarelo de Meio Ambiente

Projeto Ceippam e Projeto Takakura são reconhecidos no II Prêmio Ipê Amarelo de Meio Ambiente concedido pela CREA-MS

UniSALESIANO envia livros para Aldeia Meruri

O curso de Pedagogia do UniSALESIANO – Lins enviou mais de 1.000 livros para fortalecer a formação de professores e a educação na Aldeia Meruri, em Mato Grosso

Receba as novidades no seu e-mail

O futuro que você merece
Somos Rede

Siga a RSB nas redes sociais:

2024 © Rede Salesiana Brasil